7 de jan de 2014

Mais amálgama

Tão bonito ouvir esse músico argentino amante do Brasil, que morava na Bahia - tantas raízes se espalhando pela América Latina - ele consegue chegar até a Palestina!

16 de mai de 2011

Da importância de falhar

Milton Glaser – on the fear of failure. from Berghs' Exhibition '11 on Vimeo. http://berghs.exhibition11.se

O artista Milton Glaser nos fala como é importante admitirmos que não somos geniais e que abracemos a falha como a única postura que nos manterá crescendo.

10 de abr de 2011

A honestidade das crianças

Belíssimo trabalho de James Mollison. Uma das oportunidades mais pungentes de ver o mundo. Muito forte, tocante e verdadeiro. Retratos de crianças de diversas partes do mundo (algumas do Brasil) e seus quartos – e suas histórias.

Open publication - Free publishing

10 de mar de 2011

23 de jun de 2010

Música para o Tablado de Arruar

Tema eletrônico por kilate no Vimeo. - Video produzido por Olho de Boi.

Composto para a peça de teatro de rua “A rua é uma rio”, que trata da pavorosa indústria da construção e o despejo das populações na cidade de São Paulo. Apresentada nas ruas pelo grupo Tablado de Arruar em 2006, e a composição era tema do personagem principal.

24 de mai de 2010

Theatro Verde

Theatro Verde, upload feito originalmente por a_leste.

Eles plantaram grama na escadaria e na calçada (um cheiro maravilhoso), tinha um som de selva tocando, imagens de plantas desenhando a fachada e quem passava, um carro velho estacionado na frente, todo plantado por dentro e por fora. Foi tão emocionante! Foi na Virada cultural, todo mundo sentado na grama, foi o coletivo Bijari que fez.

9 de fev de 2010

Orginalidade não existe

Nada é original. Roube de qualquer lugar que ressoe com inspiração ou que seja combustível para sua imaginação. Devore filmes antigos, filmes novos, música, livros, pinturas, fotografias, poemas, sonhos, conversas aleatórias, arquitetura, pontes, sinalização de trânsito, árvores, nuvens, formas de água, luz e sombra. Selecione para roubar somente aquilo que fale diretamente para sua alma. Se você fizer isso, seu trabalho (e roubo) serão autênticos.
Autenticidade não tem valor em si; originalidade não existe. E não se preocupe com esconder seu roubo – celebre-o se tiver vontade! De qualquer maneira, sempre lembre que Jean-Luc Godard disse: “O que interessa não é de onde você tira as coisas – mas para onde você as leva.” – Jim Jarmusch


Foto (celular): Gabriela Favre.

Quantas imagens se somaram na minha memória para eu roubar esta?

30 de ago de 2009

Música e tipografia

Estou lendo um livro clássico, apaixonante – “Elementos do Estilo Tipográfico” de Robert Bringhurst. Música e tipografia são muito íntimas, têm as mesmas preocupações, de revelar formas da natureza, de perceber intervalos, proporções, ritmos, descansos, encanto.

Música, embora pareça cena

Com tantos elementos visuais e cênicos, a música prevalece na sua beleza. É o mestre.

28 de ago de 2009

6 de mar de 2008

Tamanho não é documento MESMO

Os Cabinha, bandinha de lata da Fundação Casa Grande, da pacata Nova Olinda – cidade a 540 km de Fortaleza - têm entre nove e 11 anos. Além de músicos, estes cabinhas – denominação de menino no interior nordestino – são radialistas, câmeras, técnicos de som e recepcionistas de museu. Crianças prodígio? Não, apenas crianças curiosas, que tiveram a oportunidade de ter contato com produção desde cedo.
Também conhecidos como meninos da Casa Grande, eles fazem parte do projeto que levou o mundo ao interior do Ceará. Escola de comunicação e gestão cultural, a Fundação Casa Grande possui teatro, TV, editora, rádio e estúdio de áudio, onde Os Cabinha gravam seu primeiro cd.

E “gravam” é literal: são eles mesmos a operarem o estúdio profissional – coisa que não é novidade nesta instituição totalmente gerida por crianças e adolescentes. O reconhecimento vem por meio das participações especiais. Paulinho Boca de Cantor e Arnaldo Antunes são duas das confirmadas. A capa será um presente do artista plástico Elifas Andreato, que ilustrou as duas edições da Arca de Noé, disco que marcou a infância de toda uma geração.

Os Cabinha é a terceira geração da banda de lata da Fundação Casa Grande. Com tradição de iniciação musical, ao logo dos anos eles se apresentaram ao lado de nomes como Lobão e Arnaldo Antunes, além da participação no espetáculo Mãe Gentil, de Ivaldo Bertazzo, com Zeca Baleiro.
A atual formação chega a São Paulo depois de shows em Fortaleza e Salvador. Vão acompanhados de Alemberg Quindins, idealizador da Fundação Casa Grande e de Aécio Diniz. Oriundo da primeira formação da bandinha, hoje, aos 23 anos, Aécio é produtor cultural e baixista da banda Os Meninos da Casa Grande, que entre outros shows se apresentou em 2006 na Popkomm em Berlim.

- Fonte: Fundação Casa Grande.

6 de jan de 2008

Por que os japoneses são tão bons?

Performance mutimídia!

O Guru

Quero navegar o meu barco, muitas vezes
Atravessar o golfo pós-morte,
E retornar do meu lar no Céu para as praias da terra.
Quero encher o meu barco
Com aqueles que esperam, os sedentos que foram esquecidos,
E conduzi-los ao opalino reservatório de alegria iridescente
Onde meu Pai distribui
A Sua paz liquefeita que sacia a sede de todos os desejos.

– Paramahansa Yogananda, “A Eterna Busca do Homem”

13 de nov de 2007

Definição de Design

Paul Rand, grande designer norte-americano.

Ele foi encarregado de fazer a marca Apple ser conhecida e absorvida em tempo recorde, nos primeiros tempos. Steve Jobs o considera um profissional que resolve os problemas de uma empresa. Que se você estuda um trabalho dele, você percebe muita reflexão e intelectualidade; mas o impacto é completamente emocional.

12 de abr de 2007

Amálgama brasileiro

José Bonifácio, em 1823, definiu dizendo que esta amálgama é o que nos diferencia dos outros países, pois amálgama é mais do que mistura, mais do que miscigenação, é uma constante alquimia que se reinterpreta simultaneamente, como a amazônica... Será este o caminho da paz? – Jorge Mautner

Outro Jorge, o Benjor que o diga!

Criação

Este filhote vai se aventurar pelo mundo, compreendê-lo e retratá-lo a seu modo.